AMEA TEENS

O projeto AMEA promovido pelo MUN-SI, integra-se no âmbito do Projeto Europeu “OPEN” e foi apresentado em Novembro no European Obesity Forum, Lisboa 2014 O Projeto AMEA decorrerá entre Junho 2015 e Agosto 2016 e pretende   apoiar famílias de baixo estatuto socioeconómico com adolescentes maiores de 12 anos. Entre Janeiro e Março de 2015 foram selecionados 5 municípios (Odivelas, Oeiras, Agueda, Paredes e Figueira da Foz) onde o projeto decorrerá. As famílias participantes serão identificadas pelos municípios. O Programa, centrado na promoção da saúde em adolescentes, consistirá em visitas domiciliárias por um nutricionista que acompanhará os adolescente, numa estratégia de mudança de estilo de vida mais saudável. Incluem-se nestas ações, avaliação do estado nutricional, aconselhamento individual e  planificação  alimentar, idas ao supermercado para orientação na aquisição de produtos alimentares saudáveis de acordo com o rendimento familiar, participação em workshops de cozinha saudável com Chefs locais e atividades  de grupo dirigidas aos adolescentes, nomeadamenteFacebook challenge e atividades nas escolas.

 

MATERIAIS

EQUIPA 2015/2016

 

Ana Oliveira
Nutricionista

AMEA ÁGUEDA

"Reconheço a Nutrição como um importante fator na prevenção de doenças e como potenciador da qualidade de vida."

Marta Ferreira
Nutricionista

AMEA PAREDES

“A Nutrição e a Alimentação movem o mundo e eu movo-me pela Nutrição e Alimentação”

Inês Pereira
Nutricionista

AMEA FIGUEIRA DA FOZ

"Tento mudar o mundo e acredito no poder dos alimentos como uma das chaves essenciais para promover o bem estar e saúde de todos nós. Por isso, todos os dias me transformo, enfrento medos e aceito desafios."

 

Mariana Santos
Nutricionista

AMEA OEIRAS

"Nutre a tua inspiração com a energia dos alimentos!"

Daniela Duarte
Nutricionista

AMEA ODIVELAS

"Neste percurso tenho contactado com diferentes áreas da nutrição sendo a promoção de saúde e desporto das que mais me fascinam. Quero ensinar-vos a comer melhor, a saber escolher melhor os alimentos e a estarem mais atentos às embalagens. Vamos crescer juntos aprendendo que não é comer pouco, é comer bem! Acompanham-me nesta jornada?"